Advogado diz que atirador de Tel Aviv tem problemas mentais

Homem abriu fogo em um bar e matou duas pessoas

Homem abriu fogo contra clientes de bar de Tel Aviv (foto: EPA)
13:31, 02 JanTEL AVIV ZGT

(ANSA) - O atirador que abriu fogo contra um bar em Tel Aviv teria problemas mentais e não seria um terrorista, afirmou neste sábado (02) o advogado dos pais do jovem, Sami Melhem, ao jornal "Jerusalem Post".

 

"Ele não é um homem são e o que eu sei, desde que o represento, é que ele já foi tratado e está sendo tratado novamente. Recentemente, ele havia sido visto andando pelas estradas como um doente mental", destacou Melhem.

 

O ataque ocorreu nesta sexta-feira (01) no pub Hasimta' e o local estava lotado no momento da ação. Segundo o último balanço, duas pessoas morreram na ação e outras sete ficaram feridas. Ele fugiu do local a pé e ainda não foi encontrado pela polícia israelense, que faz buscas por toda a capital de Israel. (ANSA)

 

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA