Presidente do Irã rejeita mudanças em acordo nuclear

"Não acrescentaremos nem uma frase", declarou o mandatário

Hassan Rohani fez sua declaração em resposta às propostas de mudança no acordo de Donald Trump e Emmanuel Macron
Hassan Rohani fez sua declaração em resposta às propostas de mudança no acordo de Donald Trump e Emmanuel Macron (foto: EPA)
18:53, 25 AbrTEERÃ ZLR

(ANSA) - O presidente do Irã, Hassan Rohani, rejeitou alterar o acordo referente ao programa nuclear do país, como foi proposto pelos mandatários da França, Emmanuel Macron, e dos Estados Unidos, Donald Trump.

"Eu falei com Macron por telefone diversas vezes, e em uma dessas, eu lhe disse explicitamente que nós não acrescentaremos ou cortaremos nada, nem uma frase", disse. "O acordo é o acordo", acrescentou.

Com a visita do mandatário francês aos EUA, o pacto entrou em pauta novamente. Trump critica o que foi estabelecido em 2015, alegando que o tratado é "um desastre que nunca devia ter sido feito".

Por sua vez, o líder francês, que antes defendia a importância do acordo, demonstrou, posteriormente, interesse em abrir novas negociações com o Irã, apesar de garantir que o magnata norte-americano não sairá do tratado "sem ter algo mais concreto".

O acordo nuclear com o Irã foi estabelecido em 2015, entre as potências do 5+1, composto por Estados Unidos, França, Alemanha, China, Rússia e Reino Unido. O pacto eliminou as sanções contra o programa nuclear do país persa, em troca de sua limitação. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en