Número de mortos em ataque na Somália sobe para 26

Atentado foi reivindicado pelo grupo terrorista Al Shabab

Vista de hotel atingido por atentado em Kismayo, Somália
Vista de hotel atingido por atentado em Kismayo, Somália (foto: ANSA/AP Photo)
10:48, 13 JulMOGADÍSCIO ZLR

(ANSA) - Subiu para 26 o número de mortos em um ataque terrorista do grupo Al Shabab em um hotel da cidade portuária de Kismayo, na Somália, nesta sexta-feira (12).

Entre as vítimas estão três quenianos, três tanzanianos, dois americanos, um canadense e um britânico, segundo o governador da região de Jubbaland, Ahmed Madobe. Outras 55 pessoas ficaram feridas.

A ação teve início com a explosão de um carro-bomba em frente ao Hotel Asasey, frequentado por políticos, empresários e outras autoridades, e continuou com um assalto armado que durou cerca de 14 horas.

Ligado à Al Qaeda, o Al Shabab é o grupo terrorista mais ativo da África e deseja implantar uma versão extrema da lei islâmica na Somália e expulsar as tropas da União Africana do país. A milícia costuma usar carros-bomba para se infiltrar em locais fortificados. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA