Casos de coronavírus no restante do mundo superam China pela 1ª vez

País asiático registrou apenas 16 contágios no último domingo

Pessoas com máscaras de proteção em Pequim, capital da China
Pessoas com máscaras de proteção em Pequim, capital da China (foto: EPA)
08:05, 16 MarROMA ZLR

(ANSA) - Os casos do novo coronavírus (Sars-CoV-2) fora da China superaram pela primeira vez o total de contágios registrado pelo país asiático, onde a epidemia teve início.

Segundo o mapa de casos em tempo real feito pela Universidade John Hopkins, a China contabiliza 81.020 pessoas contaminadas, enquanto o restante do mundo já tem mais de 88,3 mil, sendo que quase 30% (24.747) se concentram na Itália.

Até o momento, 3.217 pessoas morreram na China, contra cerca de 3,3 mil nos outros países. O gigante asiático registrou apenas 16 novos casos neste domingo (15), sendo quatro em Wuhan, ex-epicentro da epidemia, e 12 "importados".

Recentemente, o presidente chinês, Xi Jinping, disse que o país já tinha superado o pico dos contágios. No restante do mundo, no entanto, o coronavírus continua se espalhando, especialmente na Europa, o que fez a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarar uma pandemia. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA