Protesto contra racismo em Paris é marcado por confrontos

Ato foi organizado em homenagem a Floyd e Adama Traoré

Ato foi organizado em homenagem a Floyd e Adama Traoré
Ato foi organizado em homenagem a Floyd e Adama Traoré (foto: EPA)
18:42, 02 JunPARIS ZCC

(ANSA) - Milhares de pessoas foram às ruas de Paris, na França, nesta terça-feira (2), em um protesto contra o racismo policial, marcado por confrontos entre agentes e manifestantes.

As autoridades francesas utilizaram gás lacrimogêneo para dispersar pelo menos 19 mil cidadãos, que atearam fogo em objetos e atacaram pedras contra os policiais, de acordo com a BMFTV. Antes da confusão, o ato acontecia de forma pacífica pela capital do país.

A manifestação foi organizada pelo comitê de apoio à família do jovem francês Adama Traoré, que morreu sob custódia policial em 2016, e coincidiu com os protestos nos Estados Unidos contra a morte de George Floyd, asfixiado por um agente branco na semana passada em Minneapolis.

O confronto ocorre no momento em que a prefeitura de Paris havia proibido manifestações em decorrência da pandemia do novo coronavírus, na tentativa de evitar aglomerações. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA