Homens tentam entrar em casa de vencedora do Nobel em Belarus

A escritora Svetlana Alexievich integra comitê da oposição

Nobel de Literatura em 2015, Svetlana Alexievich integra comitê de oposição em Belarus
Nobel de Literatura em 2015, Svetlana Alexievich integra comitê de oposição em Belarus (foto: EPA)
11:26, 09 SetMOSCOU ZLR

(ANSA) - A vencedora do Nobel de Literatura em 2015, Svetlana Alexievich, denunciou nesta quarta-feira (9) que desconhecidos tentaram entrar em seu apartamento em Minsk, capital de Belarus.

A escritora e jornalista é a única integrante de um conselho de coordenação da oposição ainda em liberdade em seu próprio país, após homens encapuzados terem capturado o advogado Maxim Znak.

Alexievich já havia sido interrogada por um comitê do governo do presidente Aleksandr Lukashenko em 26 de agosto, mas permaneceu em silêncio.

O conselho do qual a escritora participa é acusado por Lukashenko, no poder desde 1994, de organizar um golpe. O presidente é alvo de protestos desde sua contestada vitória nas eleições de 9 de agosto, cujo resultado não é reconhecido pela oposição.

Diplomatas da União Europeia, incluindo Áustria, Lituânia, Romênia e Suécia, foram ao apartamento de Alexievich para impedir uma eventual prisão.

"Ouvimos que pessoas desconhecidas estão tocando a campainha de seu apartamento, provavelmente representantes da polícia", disse o embaixador lituano em Belarus, Andrius Pulokas, à agência báltica BNS. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA