Alemanha limita festas e restringe bares para conter Covid

Uso de máscara de proteção também será obrigatório

Uso de máscara de proteção também será obrigatório
Uso de máscara de proteção também será obrigatório (foto: AFP)
15:00, 14 OutBERLIM ZCC

(ANSA) - O governo da Alemanha determinou nesta quarta-feira (14) novas medidas de restrições para conter a segunda onda da pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2) no país.

A decisão foi tomada durante encontro entre a chanceler Angela Merkel e os governantes das 16 regiões alemães, segundo a agência DPA, e determina que os bares e restaurantes terão que fechar às 23h (horário local), e as festas privadas serão permitidas apenas para 10 participantes e no máximo a duas famílias.

As restrições entrarão em vigor nas zonas onde a taxa de contágio alcançar 50 casos para cada 100 mil pessoas durante sete dias consecutivos.

Além disso, o uso da máscara de proteção contra a Covid-19 será obrigatório nos locais que não forem possível respeitar o distanciamento social e quando as pessoas passarem muito tempo juntas no território alemão.

Essas medidas, no entanto, deverão ser seguidas em cidades que estão registrando pelo menos 35 novos casos por cada 100 mil moradores, de acordo com a agência alemã.

As regras têm como objetivo frear o aumento de novos casos registrado nos últimos dias. Nesta quarta-feira (14), o país registrou 5.132 novos contágios no período de 24 horas, o que representa o maior aumento em apenas um dia em seis meses.  (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA