Papa Francisco reza por atingidos por terremoto na Croácia

Balanço oficial permanece em 7 mortos; dezenas se feriram

Terremoto de 6,4 graus na Croácia deixou rastro de destruição em Petrinja e Sisak (foto: ANSA)
10:23, 30 DezROMA ZGT

(ANSA) - O papa Francisco fez uma oração nesta quarta-feira (30) pelos atingidos pelo terremoto que destruiu as cidades de Petrinja e Sisak, na Croácia. O tremor de 6,4 graus na escala Richter foi o mais forte de uma sequência de grandes sismos nos últimos dias e deixou, ao menos, sete mortos e dezenas de feridos.

"Ontem, um terremoto provocou vítimas e graves danos na Croácia. Exprimo minha proximidade aos feridos e a quem foi atingido pelo tremor, e rezo em particular por aqueles que perderam a vida e por seus familiares. Desejo que as autoridades do país, ajudadas pela comunidade internacional, possam aliviar rapidamente os sofrimentos da querida população croata", disse ao fim da última audiência geral do ano.

Segundo as informações oficiais, novos tremores de intensidades entre 4,7 e 4,9 graus, foram sentidos em Petrinja e Sisak durante a madrugada e a manhã de hoje. O governo não atualizou o número de atingidos, que permanecem os mesmos desde a terça-feira (29).

O premiê da Croácia, Andrej Plenkovic, informou que foram liberados cerca de 16 milhões de euros em um primeiro pacote de ajuda para as cidades mais atingidas.

Já a União Europeia divulgou que também ajudará financeiramente os afetados e que o comissário europeu para a Gestão de Crises, Janez Lenarcic, irá visitar o país ainda hoje. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA