Japão estende estado de emergência em Tóquio até 31/8

Com isso, Paralimpíadas também começarão sob esse regime

O primeiro-ministro do Japão, Yoshihide Suga
O primeiro-ministro do Japão, Yoshihide Suga (foto: EPA)
14:40, 30 JulTÓQUIO ZLR

(ANSA) - O governo do Japão estendeu até 31 de agosto o estado de emergência em vigor em Tóquio por causa da pandemia do novo coronavírus.

A decisão chega em meio a um novo repique dos casos de Covid no país, que recebe os Jogos Olímpicos desde a semana passada. Com a extensão do estado de emergência, pelo menos metade das Paralimpíadas (24 de agosto a 5 de setembro) também acontecerá sob esse regime.

Além de Tóquio, o procedimento será adotado nas três regiões adjacentes - Chiba, Kanagawa e Saitama -, bem como na metrópole de Osaka.

A capital japonesa vive um crescimento nos casos de Covid e registrou cerca de 3,3 mil contágios no último período de 24 horas. Além disso, o país teve na quinta-feira (29) mais de 10 mil diagnósticos positivos em um único dia pela primeira vez desde o início da pandemia.

O governo, no entanto, afirma que o repique não tem relação com as Olimpíadas, que até agora registram 220 casos entre funcionários e atletas.

Japão vem mantendo uma média de menos de 100 mortes por dia desde o início de junho, mas está entrando na fase mais aguda da pandemia com índices de vacinação relativamente baixos, especialmente em comparação com a Europa.

O país tem apenas 39% de sua população ao menos parcialmente vacinada contra a Covid, segundo o portal Our World in Data, sendo que 28% das pessoas concluíram o ciclo de imunização. Na União Europeia, por exemplo, esses índices são de 58% e 48%, respectivamente. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en