Portugal desobriga uso de máscaras contra Covid ao ar livre

Medida entrou em vigor a partir desta segunda(13)

Medida entrou em vigor a partir desta segunda(13)
Medida entrou em vigor a partir desta segunda(13) (foto: AFP)
19:31, 13 SetSÃO PAULO ZCC

(ANSA) - Com mais de 80% da população vacinada com ao menos uma dose anti-Covid, Portugal retirou a obrigatoriedade do uso de máscaras ao ar livre a partir desta segunda-feira (13).

A exigência estava em vigor desde 28 de outubro do ano passado e agora será válida apenas em algumas situações, de acordo com o Serviço Nacional de Saúde português.

Com a nova decisão, a utilização da proteção passará a ser facultativa em ambientes abertos, e permanece sendo recomendada quando houver aglomerações ou quando não for possível manter o distanciamento social.

"A sua utilização na rua é também recomendada para pessoas mais vulneráveis, com doenças crônicas ou estados de imunossupressão com risco acrescido para Covid-19 grave, sempre que circulem fora do local de residência ou permanência habitua", diz a Direção-Geral de Saúde de Portugal.

Além disso, a máscara continuará sendo obrigatória para entrar no transporte coletivo, em órgãos públicos, supermercados, centros comerciais, cabelereiros e restaurantes. Nas escolas, a máscara é obrigatória para os professores e alunos a partir dos 10 anos.

De acordo com dados do observatório Our World in Data, Portugal é o país com mais pessoas completamente imunizadas no mundo, 80% do público-alvo. Cerca de 87% dos portugueses receberam pelo menos uma dose de alguma vacina, ficando atrás apenas dos Emirados Árabes Unidos, com 89%.

O avanço na campanha de imunização fez o governo português aliviar certas medidas de combate à pandemia do novo coronavírus Sars-CoV-2. Agora, a prioridade das autoridades do país europeu é conseguir imunizar a população mais jovem. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA