Suíços aprovam casamento civil igualitário em referendo

Casas homossexuais também poderão adotar filhos

Suíços aprovaram mesmos direitos para casais homossexuais
Suíços aprovaram mesmos direitos para casais homossexuais (foto: EPA)
11:12, 26 SetGENEBRA ZGT

(ANSA) - Os suíços aprovaram neste domingo (26) o casamento civil igualitário para todo o país, em medida que permite também a adoção de crianças por homossexuais.

Além disso, o texto prevê o acesso que casais de mulheres poderão ter acesso ao banco de esperma para poder gerar filhos.

Apesar da apuração ainda estar em andamento, os resultados parciais mostram que o "sim" venceu com 64% dos votos, em número que não pode mais ser revertido.

A Suíça tem um sistema político que permite que referendos sobre assuntos civis possam ser convocados se atingirem um número mínimo de assinaturas. Nesse caso, a proposta foi lançada pela ala jovem do Partido Socialista.

Os casais homossexuais já podiam firmar um pacto civil, uma espécie de união estável, mas que não ofereciam os mesmos direitos que um casamento. (ANSA).
   

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA