Papa quer que Genebra 2 inicie processo de paz

O encontro internacional sobre a Síria ocorrerá no dia 22

Papa Francisco volta a pedir paz na Síria
Papa Francisco volta a pedir paz na Síria (foto: ANSA)
20:10, 13 JanCIDADE DO VATICANO ZBF

(ANSA) - O papa Francisco disse esperar que a conferência sobre a Síria, programada para ocorrer dia 22, em Genebra, "inicie um caminho que leve à paz" e ao fim dos conflitos entre rebeldes e forças do presidente Bashar al-Assad.

"É preciso uma nova vontade política comum para colocar fim ao conflito na Síria. Espero que a conferência de Genebra aponte para o início do desejado caminho de paz", afirmou o Pontífice em um discurso ao corpo diplomático da Santa Sé. Francisco destacou que toda ação na Síria deve acontecer no "pleno respeito dos direitos humanos". "Não se pode aceitar que seja atingida a população civil, sobretudo as crianças", defendeu.

Desde quando foi eleito, em março do ano passado, Francisco tem feito fortes apelos contra a violência na Síria. Ele chegou a convocar uma vigília de orações no Vaticano pelo fim dos confrontos no país.

No mesmo discurso ao corpo diplomático, o Pontífice também elogiou a retomada das negociações entre israelenses e palestinos. "Espero que as partes estejam determinadas a assumir, com o apoio da comunidade internacional, as decisões corajosas para encontrar uma solução certa e duradoura para um conflito em que o 'fim' é cada vez mais urgente". (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA