Papa fala sobre 'dor' vivida por refugiados em Lesbos

Francisco visitou ilha grega no último sábado, dia 17

Papa fala sobre 'dor' vivida por refugiados em Lesbos
Papa fala sobre 'dor' vivida por refugiados em Lesbos (foto: ANSA)
20:53, 18 AbrROMA ZSG

(ANSA) - O papa Francisco disse que, durante sua visita a Lesbos, ilha grega que é porta de entrada de refugiados para a Europa, viu "muita dor" e tristeza.
   
"Havia tantas crianças. Algumas dessas crianças viram seus pais, seus amigos, morrerem no mar. Vi tanta dor!", declarou neste domingo, dia 17.
   
Francisco relatou a história de um homem muçulmano de cerca de 40 anos que era casado com uma cristã, de quem gostava e "se respeitavam mutuamente". Ela, no entanto, foi degolada por terroristas após não aceitar a renunciar a Cristo e abandonar sua fé. "É uma mártir!", concluiu.
   
O grupo de 12 refugiados sírios que o papa Francisco trouxe no último sábado, dia 16, de Lesbos, na Grécia, para a Itália já começou a ter aulas de italiano.
   
Em seu primeiro dia em Roma, a três famílias recebidas na comunidade de Sato Egídio estão tentando se adaptar à nova realidade. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA