Papa celebra dia de Santo Estêvão e relembra mártires

Francisco também lamentou o tufão que atingiu as Filipinas

Papa celebra dia de Santo Estêvão e relembra mártires
Papa celebra dia de Santo Estêvão e relembra mártires (foto: EPA)
16:28, 26 DezCIDADE DO VATICANO ZBF

(ANSA) - O papa Francisco fez um chamado nesta quarta-feira (26) para recordar os mártires da história, ao celebrar o dia de Santo Estêvão, considerado o primeiro mártir cristão, no Vaticano.

"A festa de Santo Estêvão nos convida a recordar todos os mártires, de ontem e de hoje. E são tantos!", disse Francisco, durante o Ângelus, na Praça São Pedro, diante de 25 mil fieis. "No clima de alegria do Natal, essa memória do primeiro cristão morto devido à sua fé poderia ser considerada fora de contexto.
   

No entanto, justamente da perspectiva da fé, a celebração se coloca em sintonia com o significado do Natal", comentou. "Este jovem servo do Evangelho, pleno de Espírito Santo, soube narrar Jesus com as palavras e, sobretudo, com sua vida".
   

Segundo o Papa, "para nós cristãos, o céu não está mais distante, separado da Terra: em Jesus, o céu desceu sobre a terra. E, graças a Ele, com a força do Espírito Santo, nós podemos assumir tudo o que é humano e orientá-lo em direção ao Céu".
   

Na mesma celebração, Francisco fez uma oração pelo povo das Filipinas, atingido pelo tufão Phanfone, que deixou ao menos 16 mortos. "Me uno à dor causada à querida população das Filipinas pelo tufão Phanfone. Rezo pelas várias vítimas, pelos feridos e por seus familiares", disse o Papa. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA

archivado en