Vaticano prorroga medidas de isolamento até 13 de abril

Decisão segue anúncio feito pelo governo da Itália

Praça São Pedro vazia por causa de pandemia de coronavírus
Praça São Pedro vazia por causa de pandemia de coronavírus (foto: ANSA)
10:32, 03 AbrCIDADE DO VATICANO ZLR

(ANSA) - O Vaticano anunciou nesta sexta-feira (3) a prorrogação das medidas de isolamento no país até 13 de abril, seguindo a decisão tomada há dois dias pelo governo da Itália.

Antes disso, o Vaticano já havia confirmado que as celebrações de Páscoa presididas pelo papa Francisco aconteceriam sem público. "A Santa Sé decidiu prorrogar até 13 de abril as medidas adotadas para evitar a difusão do coronavírus, em coordenação com os procedimentos das autoridades italianas", diz um comunicado oficial.

Até o momento, o menor país do mundo contabiliza sete casos do novo coronavírus (Sars-CoV-2), incluindo um padre que mora na Casa Santa Marta, residência oficial do Papa. Segundo o Vaticano, Francisco não está entre os infectados. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA