Papa pode adiar viagem ao Líbano por motivos de saúde

Francisco tem dificuldades para andar devido a dores no joelho

Papa Francisco usa cadeira de rodas durante audiência no Vaticano, em 9 de maio
Papa Francisco usa cadeira de rodas durante audiência no Vaticano, em 9 de maio (foto: ANSA)
09:30, 09 MaiVATICANO ZLR

(ANSA) - A visita do papa Francisco ao Líbano, prevista para o próximo mês de junho, pode ser adiada por motivos de saúde.

Ainda não confirmada oficialmente pelo Vaticano, a viagem já foi anunciada pelo presidente libanês, Michel Aoun. No entanto, segundo uma fonte anônima citada pela agência Reuters, a "saúde do Papa é a principal preocupação".

Com 85 anos de idade, Francisco vem reclamando de recorrentes dores no joelho direito e, na última quinta-feira (5), apareceu pela primeira vez em público com uma cadeira de rodas. Além disso, Jorge Bergoglio sofre de problemas crônicos no ciático, nervo que vai do fim da coluna lombar até os pés.

O Papa já expressou em diversas ocasiões o desejo de viajar ao Líbano e também tem visitas programadas para República Democrática do Congo, Sudão do Sul e Canadá em julho. (ANSA)

Todos los Derechos Reservados. © Copyright ANSA