/ricerca/brasil/search.shtml?any=
Mostre menos

Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Itália é 2º país com mais turistas estrangeiros na UE

Com 34 mi no último trimestre, país perde apenas da Espanha

BRUXELAS, 10 março 2024, 14:27

Redação ANSA

ANSACheck

Turistas italianos na Fontana di Trevi, em Roma - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

(ANSA) - A Itália foi o segundo país que mais recebeu turistas estrangeiros na União Europeia no último trimestre de 2023, com cerca de 34 milhões de pessoas.

O número está no boletim mais recente do Eurostat, gabinete de estatística da UE, que coloca a Espanha na liderança desse ranking, com 61 milhões. Já a França aparece em terceiro lugar, com 18,5 milhões.

O relatório do Eurostat também contabiliza 495 milhões de pernoites na estrutura hoteleira do bloco entre outubro e dezembro, aumento de 3,9% sobre o mesmo período de 2022, sendo que mais da metade se concentra em três países: Espanha (93 milhões de pernoites), Alemanha (92 milhões) e Itália (64 milhões).

Já a Alemanha lidera o ranking de turistas internos no último trimestre, com 73 milhões de pessoas, seguida por França (43 milhões), Espanha (32 milhões) e Itália (30 milhões).

Segundo a ministra italiana do Turismo, Daniela Santanchè, esses dados "testemunham a vontade de Itália que existe no mundo".

"Estamos recuperando a credibilidade da Itália, e esses resultados devem nos incentivar a trabalhar ainda mais para voltarmos a ser os primeiros", disse. (ANSA) 

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Ou use