/ricerca/brasil/search.shtml?any=
Mostre menos

Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

'Cinema amplia horizontes', diz italiana no júri da Berlinale

Atriz e diretora Jasmine Trinca avaliará filmes da 74ª edição

ROMA, 15 fevereiro 2024, 13:45

Redação ANSA

ANSACheck

Jasmine Trinca em coletiva do júri da Berlinale © ANSA/EPA

(ANSA) - Em uma coletiva de imprensa nesta quinta-feira (15) com o júri do Festival de Cinema de Berlim, a atriz e diretora italiana Jasmine Trinca, que fará parte do grupo de avaliadores, questionou: “Por que não tentar pensar que cinco fascistas sentados na sala [de cinema] assistindo aos filmes em competição possam ampliar seus horizontes?”.

O tema foi levantado em resposta a uma pergunta sobre política e cinema.

“Me considero sortuda por compartilhar esse tempo com os outros jurados, porque tenho a oportunidade de olhar as coisas, o mundo, através dos olhos de outra pessoa, o que acredito que seja a coisa mais importante da vida”, disse.

”E também é uma forma de eliminar as fronteiras em um mundo político demais, e para tentar manter os olhos abertos. É preciso, em resumo, ‘permanecer humanos’, como dizia Vittorio Arrigoni”, complementou, em referência ao pacifista italiano.

A cineasta é conhecida por defender uma maior presença feminina na direção e demais posições de liderança no audiovisual do país europeu.

Trinca estará ao lado de quatro colegas diretores: o também ator americano Brady Corbet; a chinesa Ann Hui; o alemão Christian Petzold e o espanhol Albert Serra; além da escritora ucraniana Oksana Zabuzhko.

A presidente do júri da 74ª edição do Berlinale será a atriz, diretora, produtora e autora best-seller queniana-mexicana Lupita Nyong’o.

O festival premiará as melhores produções cinematográficas com os Ursos de Ouro e de Prata.

Segundo os organizadores do evento alemão, os vencedores da competição serão anunciados no dia 24 de fevereiro. Ao todo, 20 filmes disputam as premiações.

 
   

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Veja também

Ou use