Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Comissão Real para Alula e Matera fecham acordo de parceria

Ambas abrigam patrimônios da Unesco escavados na rocha

ROMA, 23 dezembro 2023, 09:44

Redação ANSA

ANSACheck

Paisagem de Alula, na Arábia Saudita - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

(ANSA) - A Comissão Real para Alula (RCU) e a cidade de Matera assinaram um acordo de parceria que ativa um programa de geminação para proteger e promover o patrimônio cultural.

Alula e Matera trabalharão juntas para promover a prosperidade e a sustentabilidade, organizar intercâmbios culturais, criar iniciativas conjuntas e trocar conhecimentos em múltiplos setores colaborativos.

A cerimônia de assinatura, realizada entre os Sassi de Matera, ocorreu 30 anos após a inclusão das típicas grutas habitadas da cidade do sul da Itália na lista de patrimônios mundiais da Unesco.

Da mesma forma, Hegra, a antiga cidade nabateia que remete a 2 mil anos atrás e que conta com extraordinários monumentos funerários esculpidos no arenito, é um sítio arqueológico protegido, nomeado há 15 anos como o primeiro patrimônio mundial da Unesco na Arábia Saudita.

"O acordo com Matera apoia os nossos esforços para criar um destino internacional que beneficie a comunidade local, a economia e o ambiente de Alula, ao mesmo tempo que oferece aos residentes das duas cidades a oportunidade de conhecer diferentes culturas, estreitar ligações pessoais e explorar desafios e oportunidades em comum. A parceria vai redefinir a forma como as duas cidades conectam os amantes da cultura à história e ao patrimônio cultural, enquanto continuamos a partilhar a cultura da Arábia Saudita com o mundo e descobrimos a importância da Península Arábica na história da humanidade" disse Waleed Al Dayel, chefe de estratégia digital da RCU.

"O calendário de atividades planejadas que iremos realizar em sinergia, com um grande espírito de colaboração mútua e no respeito dos objetivos de sustentabilidade dos dois destinos na conservação dos respectivos sítios da Unesco, é ambicioso, operacional e rico: a cultura como um motor da economia, do turismo, do cinema, dos eventos, do design, das artes, da arqueologia, da arquitetura, da acessibilidade, dos Sassi como ecossistema urbano de sucesso, e muito mais para duas realidades geograficamente distantes, mas com muitos elementos em comum", ressaltou Tiziana D'Oppido, secretária de Cultura, Turismo, Eventos, Patrimônio Sassi Unesco e Igualdade de Oportunidades do Município de Matera.

Em Alula, uma antiga cidade desértica, existem vestígios de 200 mil anos de história humana, e os arqueólogos sugerem a presença de civilizações há 7 mil anos. Ao mesmo tempo, Matera tem uma história ininterrupta de civilização que remonta ao Paleolítico (10º milênio a.C.), famosa pelo seu centro urbano escavado na rocha ao longo de duas encostas gêmeas conhecidas como Sassi.

A parceria entre Alula e Matera faz parte de um acordo mais amplo entre a cidade árabe e a Itália, que conta com iniciativas como o Saudi Village, evento cultural de cinco dias realizado em setembro passado na Villa Borghese, em Roma, uma colaboração com a exposição fotográfica organizada pelo Cortona on the Move durante o Alula Arts Festival 2022, e a formação de jovens acadêmicos sauditas na área de conservação do patrimônio cultural no Centro de Conservação e Restauração La Venaria Reale, perto de Turim.

Em Veneza, em maio de 2023, Arábia Saudita e Itália assinaram um acordo para promover a colaboração no campo da arqueologia, conservação, restauro e proteção do patrimônio cultural, cinema e literatura, que entrou em vigor em novembro. (ANSA)

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Ou use

Último momento

404 Not Found

404 Not Found


nginx