Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Kanye West pede desculpas por comentários antissemitas

Rapper reativou sua conta no Instagram para fazer a publicação

WASHINGTON, 26 dezembro 2023, 15:54

Redação ANSA

ANSACheck

Kanye West durante um show - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

(ANSA) - O rapper norte-americano Kanye West pediu desculpas à comunidade judaica por uma série de comentários antissemitas publicados no início deste mês nas redes sociais.

O ex-marido da empresária e modelo Kim Kardashian reativou seu perfil no Instagram e escreveu o post todo em hebraico.

"Peço sinceras desculpas à comunidade judaica por minhas palavras ou ações, não foi minha intenção ferir ou desrespeitar, e lamento profundamente qualquer dor que possa ter causado. Estou empenhado em aprender com esta experiência para ter maior sensibilidade no futuro", disse West no texto.

Nos comentários, muitos usuários aceitaram o pedido de desculpas, mas outros tiraram sarro do artista. Um deles mencionou que até mesmo Kardashian não aceitou seu perdão.

Neste ano, West lançou uma música chamada "Vultures", e em um dos trechos dela, ele menciona ter mantido relações sexuais com uma mulher judia. O americano também deixou claro seu ódio contra judeus sionistas em uma live.
   

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Ou use

Último momento

404 Not Found

404 Not Found


nginx