Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Versão inédita de cântico de São Francisco de Assis é descoberta

Texto estava entre páginas de manuscrito do século 13

BOLONHA, 24 abril 2023, 13:53

Redação ANSA

ANSACheck

Cântico de São Francisco de Assis foi encontrado durante pesquisa na Itália (Foto: WikimediaCommons) © ANSA/WikimediaCommons

(ANSA) - Pesquisadores italianos descobriram uma versão inédita do cântico "Exhortatio ad laudem Dei" ("Exortação para louvar a Deus", em tradução livre) escrita por São Francisco de Assis dentro de um manuscrito do século 13 encontrado na Itália.

Conforme o portal católico "Osservatore Romano", as anotações eram tratadas como simples notas em latim entre as páginas do documento, mas revelaram-se como a mais completa e antiga versão do cântico, que seria antecessor do famoso "Cântico das Criaturas".

A descoberta foi realizada pela doutoranda em Paleografia da Universidade de Ferrara, Roberta Iannetti, e por seu supervisor direto, professor do Departamento de Estudos Humanísticos, Sandro Bertelli.

A nova transcrição foi encontrada na primeira carta do "Codice Pluteo 22 dex.3", atualmente conservada na Biblioteca Medicea Laurenziana de Florença, mas que veio da antiga biblioteca do convento franciscano de Santa Croce, na mesma cidade italiana.

A versão "laurenziana", que recebeu esse nome pelo seu local de descoberta, é composta por 17 versículos, sendo a maior parte citações da Bíblia. A "Exhortatio" teria sido criada para acompanhar uma representação pictórica das criaturas, e escrita a próprio punho pelo santo católico.

Os especialistas informaram que "os versículos a mais da versão laurenziana são cinco ao todo: dois, no fechamento, são bênçãos. Um outro, chamado 'Qui fecit nos laudate Dominum', está no meio da longa lista de exortações de passagens bíblicas".

"O primeiro e o terceiro parecem, ao invés disso, referir-se diretamente a circunstâncias de composição do texto e ao grupo de padres próximos a Francisco. Um é voltado para 'todos os frades com capuzes', oferecendo um testemunho precoce da roupa desejada pelo santo de Assis para ele e seus companheiros. O outro exorta um louvor a Deus por todos aqueles que 'olham essa mesa'", ressaltam ainda, o que indica que ele deveria acompanhar alguma pintura.
   

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Veja também

Ou use

Último momento

404 Not Found

404 Not Found


nginx