/ricerca/brasil/search.shtml?any=
Mostre menos

Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Mortos em terremoto no Japão sobem para 78

Idosa de 80 anos que ficou 72h sob os escombros foi resgatada

TÓQUIO, 04 janeiro 2024, 14:37

Redação ANSA

ANSACheck

Uma casa completamente destruída em Wajima, na província de Ishikawa © ANSA/EPA

(ANSA) - A quantidade de mortos no terremoto que atingiu o Japão no último dia 1º de janeiro subiu para 78, informaram nesta quinta-feira (4) as autoridades locais.

As equipes de resgate continuaram com as operações de busca pelos desaparecidos na província de Ishikawa, especialmente na cidade costeira de Wajima, onde um mercado pegou fogo e muitos ficaram presos sob os escombros.

O primeiro-ministro do Japão, Fumio Kishida, informou que o governo deverá aumentar os fundos de reserva para 25 milhões de euros, além de duplicar o contingente de socorristas para 4,6 mil profissionais.

Eles, no entanto, encontram muitas dificuldades para entrar em alguns municípios da província, já que as estradas principais que conectam a região foram seriamente danificadas.

O abalo sísmico danificou pelo menos 200 edifícios e cerca de 34 mil pessoas estão alojadas em centros de evacuação em diversas localidades.

Um dos momentos mais marcantes do dia foi o resgate de uma idosa de 80 anos, que permaneceu mais de 70 horas sob os escombros de sua casa.
   

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Veja também

Ou use