/ricerca/brasil/search.shtml?any=
Mostre menos

Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Turistas devem lotar 'cidades da arte' na Itália durante Páscoa

Estimativas apontam mais de 1,7 milhão de visitantes

ROMA, 07 abril 2023, 13:35

Redação ANSA

ANSACheck

Pompeia é uma das cidades mais procuradas pelos italianos na Páscoa - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

(ANSA) - Na Páscoa de 2023, mesmo com o frio e o mau tempo, as chamadas "cidades da arte" da Itália devem ter lotação intensa de turistas nacionais e internacionais.

Segundo dados do Centro de Estudos Turísticos da Assoturismo/Confesercenti, são cerca de 1,7 milhões de visitantes que irão para esses locais, sendo mais de um milhão de estrangeiros. O número contabiliza cerca de 190 mil turistas a mais do que no ano passado.

Formam o grupo de "cidades da arte" não apenas as mais famosas, como Roma, Florença, Veneza e Milão, mas também Nápoles, Palermo, Turim, Pisa, Bolonha, Ferrara, Pompeia - e as capitais da cultura deste ano, Bergamo e Brescia.

Essas localidades são as mais escolhidas pelos italianos na Páscoa e também para os chamados "feriados ponte" na primavera por conterem uma quantidade enorme de museus, sítios arqueológicos, mostras e uma boa rede de restaurantes.

O relatório aponta ainda que o aumento é devido pela maior chegada dos estrangeiros, especialmente, os norte-americanos, franceses, britânicos e espanhóis. Já outros mercados fora da Europa fortes, como China, Japão e Brasil, estão enviando turistas em um ritmo mais lento.
   

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Ou use