Rap em dialeto napolitano é destaque na 2ª noite de Sanremo

Geolier liderou ranking em votação de radialistas e do público

Rapper Geolier com o diretor e apresentador do Festival de Sanremo, Amadeus (foto: ANSA)
Rapper Geolier com o diretor e apresentador do Festival de Sanremo, Amadeus (foto: ANSA)

(ANSA) - O rapper Geolier foi o mais bem votado na segunda noite do Festival de Sanremo, concurso musical mais aclamado da Itália, na última quarta-feira (7).

Estreante na competição, o músico de 23 anos concorre com "I p' me, tu p' te", canção escrita em dialeto napolitano e que fala de dois amantes que chegam à conclusão de que sua história deve chegar ao fim.

Na votação entre radialistas e telespectadores, Geolier foi seguido por Irama, Annalisa, Loredana Bertè e Mahmood - esses três últimos já haviam se destacado na primeira noite, quando foram avaliados por jornalistas de TV e internet.

Ao todo, 15 dos 30 competidores subiram ao palco do Teatro Ariston na quarta-feira, quando o evento foi assistido na televisão por 10,361 milhões de pessoas, com 60,1% de share. A outra metade dos concorrentes se apresentará nesta quinta (8), também com voto de radialistas e telespectadores.

A quarta noite do Festival de Sanremo, na sexta (9), será dedicada a covers feitos pelos 30 artistas. No encerramento do evento, no sábado (10), os 30 competidores cantarão novamente as canções inscritas na disputa e serão votados pelos telespectadores.

Os cinco mais bem colocados após a média das votações de todos os dias se exibirão mais uma vez e serão avaliados por jornalistas (33% do total), radialistas (33%) e pelo público em casa (34%).

A soma dos votos nos três grupos determinará o vencedor do Festival de Sanremo em 2024.

O evento é uma espécie de instituição da cultura italiana e inspirou o concurso europeu Eurovision, tendo revelado também nomes como Eros Ramazzotti, Laura Pausini e Maneskin. (ANSA)