/ricerca/brasil/search.shtml?any=
Mostre menos

Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Exposição do fotojornalista italiano Uliano Lucas vem ao Brasil

Mostra será realizada no Museu Nacional da República em Brasília

SÃO PAULO, 10 de maio de 2024, 15:05

Redação ANSA

ANSACheck

Mostra será em Brasília - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

O Museu Nacional da República em Brasília receberá, entre 14 de maio e 7 de julho, a exposição "Revoluções - Guiné-Bissau, Angola e Portugal (1969-1974)", do fotógrafo e jornalista italiano Uliano Lucas.
    A mostra vem pela primeira vez ao Brasil no ano da comemoração do 50º aniversário da Revolução dos Cravos em Portugal. A realização é das embaixadas da Itália e de Portugal no Brasil e do Camões - Centro Cultural Português em Brasília, em parceria com as embaixadas de Angola e Guiné-Bissau no Brasil, com a Delegação da União Europeia no Brasil, e com o Instituto de Letras da Universidade de Brasília (UnB) e a Cátedra António Lobo Nunes da Universidade de Milão.
    A exposição, com curadoria dos professores Elisa Alberani, Miguel Cardina e Vincenzo Russo, é composta por 56 fotos, entre algumas inéditas e outras publicadas na Itália em catálogos fotográficos dos anos 1970 ou em revistas e jornais europeus da época.
    As imagens retratam os processos de independência em Angola e Guiné-Bissau e as celebrações pela liberdade em Portugal em abril de 1974, após 48 anos de ditadura.
    Ao mostrar e documentar fatos e contextos políticos e sociais contemporâneos de grande relevância, as fotografias da mostra conectam a história recente de Portugal, Itália, Guiné-Bissau e Angola, destacando os valores da democracia, dos direitos humanos e da cidadania.
    A exposição será inaugurada em 14 de maio no Museu Nacional da República, às 18h (horário de Brasília) em um evento aberto ao público, que poderá aproveitar uma visita guiada à exposição, acompanhada pelos curadores.
    Nos dias 15 e 16 de maio, no auditório 2 do Museu Nacional da República, será realizado o simpósio "Retratos da Revolução", com a participação dos curadores e de outros acadêmicos brasileiros, organizado pelo Instituto de Letras da Universidade de Brasília (UnB).
    Na ocasião, o público terá a oportunidade de participar de uma mesa-redonda sobre temas como construção da democracia, liberdade e importância da memória histórica. A participação é gratuita e não é preciso agendamento prévio.
   

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Veja também

Ou use