/ricerca/brasil/search.shtml?any=
Mostre menos

Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Embaixador firma acordo para ensino de italiano em universidades

Memorando busca promover o estudo do idioma

SÃO PAULO, 30 junho 2023, 12:28

Redação ANSA

ANSACheck

O embaixador da Itália no Brasil, Francesco Azzarello

(ANSA) - O embaixador da Itália em Brasília, Francesco Azzarello, e o presidente da Associação Nacional dos Dirigentes dos Institutos Federais de Ensino Superior (Andifes), Ricardo Marcelo Fonseca, assinaram um memorando de entendimento sobre o ensino da língua italiana em nível universitário.

O acordo busca promover o estudo do idioma por meio da criação de novas cátedras, da aquisição de materiais didáticos, da organização de cursos de formação para professores brasileiros e do lançamento de programas de intercâmbio com docentes italianos.

O pacto, que entrará em vigor em 1º de julho, prevê a cooperação das universidades federais brasileiras envolvidas no convênio (Pará, Pernambuco, Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Bahia, Ceará, Paraná, São Paulo e Rio Grande do Norte) para participar de iniciativas de promoção cultural e linguística organizadas pela rede diplomático-consular e pelos Institutos Italianos de Cultura.

"A demanda cada vez mais forte por cursos de língua e cultura italiana em um país continental como o Brasil não se deve mais apenas à enorme comunidade de descendentes de italianos em si, mas também ao crescente interesse do grande público brasileiro pela Itália, seu território, cultura, desenvolvimento industrial e científico-tecnológico", disse Azzarello.

"Com este acordo, pretendemos promover uma maior e melhor difusão do italiano no sistema educacional brasileiro, também por meio do treinamento de novos professores", acrescentou. (ANSA)

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Veja também

Ou use