Illycaffè se destaca em ranking sobre força das marcas

Illycaffè ficou em terceiro lugar em ranking de marcas italianas com mais poder de gerar predisposição nos consumidores (foto: ANSA)
Illycaffè ficou em terceiro lugar em ranking de marcas italianas com mais poder de gerar predisposição nos consumidores (foto: ANSA)

(ANSA) - A illycaffè conquistou o terceiro lugar na primeira edição do Most Powerful Italian Jewel Brand, ranking de marcas italianas com mais poder de gerar predisposição nos consumidores.

A lista é elaborada pela empresa global de consultoria Kantar. "Neste ano, por ocasião do lançamento do Kantar BrandZ's TOP 40 Most Valuable Italian Brands, também queríamos celebrar e premiar as marcas italianas que, apesar do período, conseguiram se conectar de forma extraordinária com os consumidores", disse Federico Capeci, diretor de mercados de alta performance na Kantar.

"Parabéns à illy que, graças à sua singularidade e qualidade superior, conseguiu se destacar e conquistar este reconhecimento", acrescentou.

Por sua vez, a CEO da empresa de cafés, Cristina Scocchia, afirmou que a premiação "representa um importante reconhecimento que confirma o apreço dos italianos pela marca illy".

"As pessoas a quem nos dirigimos estão no centro da nossa estratégia, e nossos esforços estão orientados para satisfazer suas necessidades e desejos, através da oferta de produtos e serviços de qualidade superior e sustentável", ressaltou a executiva.

De acordo com o ranking, a illy é a líder no segmento de cafés em termos de "poder futuro", métrica que indica o quanto a marca está pronta para continuar crescendo.

Além disso, a illy é a segunda marca italiana, também na categoria de cafés, em termos de "poder de demanda", que mede o patrimônio de imagens e valores que a empresa representa e pelos quais é reconhecida.

Segundo a illycaffè, o ranking reconheceu o compromisso da empresa com qualidade e sustentabilidade, "valores que são transferidos aos consumidores por meio de uma combinação de inovação, confiabilidade e autenticidade, criando um vínculo emocional e duradouro com eles". (ANSA)