/ricerca/brasil/search.shtml?any=
Mostre menos

Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Engineering aplica solução em plataforma de compra e venda de energia

Sistema lançado no Brasil usa solução de APIs da empresa

SÃO PAULO, 03 agosto 2023, 18:35

Redação ANSA

ANSACheck

Engineering Brasil é filial do grupo italiano de tecnologia da informação © ANSA/EPA

(ANSA) - A Engineering Brasil, filial do grupo italiano de tecnologia da informação e transformação digital Engineering, aplicou uma de suas soluções em uma plataforma automatizada de negociação de contratos de energia elétrica.

O sistema foi desenvolvido pelo Balcão Brasileiro de Comercialização de Energia (BBCE), empresa que faz intermediação de compra e venda de eletricidade e que queria montar uma plataforma para automatizar esses processos, chamada EHUB.

O mecanismo foi lançado no segundo semestre de 2022 e já atende cerca de 300 mil comercializadores e 3 mil traders no ambiente de contratação livre (ACL), no qual grandes consumidores adquirem altos volumes de energia elétrica de players do setor.

Um de seus pilares é a solução DHuO API, que, segundo Willy Sousa, diretor de produtos da Engineering Brasil, faz "toda a governança e a segurança das camadas de APIs [interface de programa de aplicação]" da EHUB.

"Toda essa camada de governança das APIs para eles controlarem os parceiros e clientes que precisavam se integrar [à EHUB] é feita através da nossa plataforma", diz Sousa.

De acordo com ele, o DHuO "ajuda a construir APIs e na governabilidade das interfaces que já foram construídas", possibilitando um "controle melhor de quem pode acessar essa API". A solução também já é aplicada nos setores de saneamento, telecomunicações e na indústria.

Já Marcelo Bianchini, gerente de produtos, comunicação e marketing do BBCE, afirma que o DHuO permitiu tratar as APIs da empresa como um produto e segmentá-las para diversos serviços e mercados, como negociação de contratos de energia no ambiente livre, derivativos, leilões, entre outros.

Como próximo passo, o BBCE pretende ampliar seu portfólio de serviços oferecidos por meio de APIs. "Os players do mercado de energia poderão se beneficiar da novidade", completa Bianchini.    

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Veja também

Ou use