Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Premiê da Itália e líder de oposição aceitam debater na TV

Confronto entre Giorgia Meloni e Elly Schlein deve ser até março

ROMA, 08 fevereiro 2024, 14:27

Redação ANSA

ANSACheck

Líder de oposição Elly Schlein (esquerda) e premiê Giorgia Meloni - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

(ANSA) - A primeira-ministra da Itália, Giorgia Meloni, a secretária do Partido Democrático (PD) e deputada Elly Schlein, uma das principais líderes da oposição, devem participar de um debate na televisão.

As equipes das duas políticas conversaram por telefone, confirmando a vontade recíproca de promover o duelo.

Há a expectativa por reuniões na próxima semana para discutir mais profundamente as questões a respeito do debate.

Uma das principais dúvidas diz respeito a qual emissora transmitiria o programa, já que várias se ofereceram.

Após essa definição, as duas equipes também decidirão conjuntamente as regras.

Segundo as normas eleitorais, o confronto precisa ocorrer ao menos três meses antes das eleições europeias, previstas para junho – ou seja, até o início de março.

Nenhuma das duas líderes confirmou candidatura ao Parlamento Europeu até o momento.

A ítalo-suíça Elena Schlein se caracteriza por posições políticas à esquerda, pró-migrantes e a favor da população LGBT.

Quando assumiu a direção de seu partido, chegou a ser classificada como a “anti Meloni”.

 
   

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Veja também

Ou use

Último momento

404 Not Found

404 Not Found


nginx