Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Brasil é 'ambiente natural para inovação', diz empresa italiana Engineering

CEO no país disse que mudança cultural ainda é desafio

SÃO PAULO, 04 outubro 2023, 15:58

Redação ANSA

ANSACheck

Filippo Di Cesare, CEO da Engineering Brasil © ANSA/Divulgação

(ANSA) - O Brasil tem "características maravilhosas" para se destacar na era da transformação digital, porém precisa investir em treinamento e informação sobre novas tecnologias para sedimentar uma mudança de cultura nas empresas, especialmente as de pequeno e médio porte.

A avaliação é de Filippo Di Cesare, CEO da Engineering Brasil, filial da companhia italiana de tecnologia da informação e consultoria em transformação digital.

Em entrevista à ANSA, o executivo listou os elementos que deixam o Brasil "superencaminhado" para entrar nessa nova era: um mercado consumidor gigantesco e que impulsiona a inovação, a propensão ao risco, um elevado percentual de early adopters (ou seja, pessoas abertas a experimentar novidades tecnológicas) e a segunda maior taxa no mundo de horas gastas na internet.

"Isso torna o Brasil um ambiente natural para a inovação. Ainda está longe de Estados Unidos, Índia e China, mas é um país que se destaca", disse Di Cesare à margem de um evento sobre inovação promovido pela Câmara de Comércio Italiana de São Paulo (Italcam).

"É um desafio mundial, não só do Brasil, mas o Brasil, por si só, tem características de mercado maravilhosas", acrescentou o executivo.

De acordo com o CEO da Engineering Brasil, o grande desafio do país hoje é "investir em treinamento, cultura, informação, fazer parcerias com universidades e fomentar a capacitação dos trabalhadores para novas tecnologias".

Investidores estrangeiros colocam seus recursos em empresas que contam com uma boa infraestrutura, o que inclui elementos como energia e logística, mas também funcionários capacitados. "Se você não tem pessoas que sabem lidar com tecnologia, talvez aquele país venha a ser um pouco menos atrativo do que outro com talentos disponíveis", ressaltou.

Di Cesare citou o exemplo do setor do agronegócio, onde já existe muita tecnologia embarcada, como máquinas com sensores, internet das coisas (IoT) e inteligência artificial, mas o desafio para o fazendeiro é aproveitar esses dados para gerar informações relevantes.

"A transformação digital significa substancialmente mudar o negócio, reinventar-se, e isso claramente passa pela cultura da empresa. É um grande desafio cultural em todas as empresas, e na pequena um pouco mais. É fácil vender tecnologia, mas muitos projetos de transformação digital fracassam porque são implementados sem entender o valor que se quer entregar", afirmou o CEO, que ainda recomendou "pensar grande e agir passo a passo". (ANSA)

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Veja também

Ou use

Último momento

404 Not Found

404 Not Found


nginx