Motta e De Zerbi entram na mira do Barça para substituir Xavi

Italianos integram uma longa lista de nomes cogitados no clube

De Zerbi é um dos nomes mais badalados do futebol europeu (foto: ANSA)
De Zerbi é um dos nomes mais badalados do futebol europeu (foto: ANSA)

(ANSA) - Após a confirmação que Xavi Hernández deixará o comando do Barcelona no fim da temporada, o clube catalão colocou em sua mira Thiago Motta e Roberto De Zerbi para substituir o campeão mundial de 2010.

De acordo com a imprensa espanhola, os dois italianos são apenas alguns dos vários nomes que circulam pelo Camp Nou, entre eles Sérgio Conceição (Porto), Hans-Dieter Flick (sem clube), Imanol Alguacil (Real Sociedad) e Míchel (Girona).

Entre as opções italianas ao comando do Barça, Motta é o nome mais plausível, pois seu contrato com o Bologna acaba no fim de junho e seria menos custoso em relação a De Zerbi. Além disso, o ex-volante já conhece bem o time catalão por tê-lo defendido entre 2001 e 2007, sem esquecer o período que passou na equipe "B".

Com o interesse de tantos gigantes da Europa em Motta, o Bologna terá mais chances de manter o ítalo-brasileiro somente se o clube garantir uma classificação para alguma competição continental, versão defendida até mesmo pelo diretor esportivo do rossoblù, Marco Di Vaio.

Perguntado recentemente sobre o tema, Motta lamentou que Xavi não seguirá no Barça e declarou que seu presente é o Bologna, grande surpresa da atual temporada da Série A da Itália.

Caso o Barcelona opte em avançar pelo caminho que levará a RDZ, a estrada será um pouco mais espinhosa, pois o italiano tem contrato com Brighton até 2026 e uma cláusula de mais de 10 milhões de euros.

Em quase 125 anos de história, o único italiano a comandar o Barça foi Sandro Puppo, ídolo do Venezia e ex-jogador de Roma e Internazionale. O ex-meio-campista treinou a equipe catalã na temporada 1954/55. (ANSA).