/ricerca/brasil/search.shtml?any=
Mostre menos

Se hai scelto di non accettare i cookie di profilazione e tracciamento, puoi aderire all’abbonamento "Consentless" a un costo molto accessibile, oppure scegliere un altro abbonamento per accedere ad ANSA.it.

Ti invitiamo a leggere le Condizioni Generali di Servizio, la Cookie Policy e l'Informativa Privacy.

Puoi leggere tutti i titoli di ANSA.it
e 10 contenuti ogni 30 giorni
a €16,99/anno

  • Servizio equivalente a quello accessibile prestando il consenso ai cookie di profilazione pubblicitaria e tracciamento
  • Durata annuale (senza rinnovo automatico)
  • Un pop-up ti avvertirà che hai raggiunto i contenuti consentiti in 30 giorni (potrai continuare a vedere tutti i titoli del sito, ma per aprire altri contenuti dovrai attendere il successivo periodo di 30 giorni)
  • Pubblicità presente ma non profilata o gestibile mediante il pannello delle preferenze
  • Iscrizione alle Newsletter tematiche curate dalle redazioni ANSA.


Per accedere senza limiti a tutti i contenuti di ANSA.it

Scegli il piano di abbonamento più adatto alle tue esigenze.

Sínodo 2023 aponta 'urgência' de mulheres no poder na Igreja

Questão sobre entrada delas no diaconato continua em suspenso

VATICANO, 30 outubro 2023, 16:41

Redação ANSA

ANSACheck

Sínodo 2023 foi concluído no fim de semana - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

(ANSA) - O texto de conclusão do último sínodo, encerrado no sábado (28), diz que é "urgente" garantir uma plena participação das mulheres nas posições de governo na Igreja.

Com isso, o papa Francisco também pediu que em até um ano seja publicada uma pesquisa sobre a possibilidade de entrada das mulheres no diaconato.

As propostas do texto, de 42 páginas, não são vinculantes.

No último dia 20, inclusive, religiosos já haviam indicado que o sínodo de 2023 não teria uma decisão sobre o diaconato para mulheres, e que a decisão pode não vir nem mesmo em 2024, quando haverá outro sínodo.

Em 2023, pela primeira vez, as mulheres tiveram direito a voto na reunião.
   

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS © Copyright ANSA

Imperdíveis

Compartilhar

Veja também

Ou use