Agência de risco Fitch mantém rating 'BBB' da Itália

Houve ainda aumento na previsão de crescimento em 2023

Crescimento do primeiro trimestre surpreendeu agência (foto: ANSA)
Crescimento do primeiro trimestre surpreendeu agência (foto: ANSA)

(ANSA) - A agência de classificação de risco Fitch confirmou o rating "BBB" da Itália e manteve a perspectiva "estável" para o país, informa em nota nesta sexta-feira (12).

O documento ainda aponta que o crescimento da economia italiana "superou nossas expectativas para o primeiro trimestre de 2023" graças à diminuição da crise do gás natural, da forte retomada do turismo e do reforço da demanda global.

Por isso, foi elevada a perspectiva de alta do Produto Interno Bruto (PIB) para o ano em 0,5%, subindo para 1,2%. "Em 2024, esperamos um crescimento de 0,8%, mais lento em relação ao 1,3% previsto em março", acrescenta.

A dívida pública deve cair em 2024, ficando em 142,3% em relação ao PIB contra 144,4% do ano passado. Os números ainda se mantêm acima aos níveis pré-pandemia de Covid-19, quando em 2019 estava em 134,1%, mas na média dos países que têm o rating em "BBB". (ANSA).